domingo, fevereiro 07, 2010

Merecemos até ao fim

--
Uma vez mais, tudo se poderia resumir a uma frase: o problema do Varzim não está na qualidade do seu jogo, mas sim na sua inquietante incapacidade de concretizar em golos o bom jogo que a equipa produz. Porque ontem, como em Barcelos (diante do Portimonense), ou como na Covilhã, ou em tantos outros confrontos, o Varzim dominou sempre, mas falhou golos que foi um disparate.
O exemplo mais eloquente da nossa triste sina foi o lance em que Gonçalo Abreu, isolado cara a cara com Paulo Santos, mesmo no último minuto da partida, disparou forte mas facilitando a defesa ao guardião canarinho. E foi um balde de água gelado sobre os adeptos.
Uma vitória diante do Estoril seria, sem dúvida, um desfecho mais verdadeiro para tudo o que se passou dentro das quatro linhas: um jogo agradável no qual, repito, a turma poveira foi sempre superior, não obstante uma ou outra situação de relativo perigo por parte dos rapazes da Linha.
Mas além disso, e talvez até mais importante, se tivéssemos vencido, teríamos conquistado o segundo triunfo consecutivo, que é sempre um tónico para o bem estar psíquico dos atletas e para auto-estima dos dedicados adeptos varzinistas que, de tão dedicados, até já mereciam ter sorrido mais vezes esta época.
Para a semana, vamos a Chaves defrontar aquela que talvez até possa ser (justamente) considerada a equipa sensação do nosso campeonato. Vindos da II Divisão Nacional, os flavienses ocupam uma posição altamente estável na tabela e já entraram para a história ao eliminarem o prmodivisionário Paços de Ferreira da Taça de Portugal, estando agora a apenas um passo do sonho de pisarem o mítico relvado do Jamor.
Parecendo que não, isso até pode jogar a nosso favor: admito que possamos encontrar um Desportivo de Chaves com excesso de confiança, mais focado no sonho da Taça do que propriamente no campeonato. Além disso, como dizia na semana anterior à vitória sobre o Feirense, julgo que temos todas as condições para ir lá vencer. Na primeira volta, a nossa vantagem tangencial foi sinónimo de sucesso, mas numa altura em que as nossas exibições não eram propriamente brilhantes.
15 jornadas volvidas, o cenário é substancialmente diferente para ambos os lados. Embora o Chaves beneficie do facto de estar mais bem colocado do que nós na tabela classificativa.
Haja esperança e, sobretudo, capacidade para materializar em golos aquilo que, ultimamente, temos feito tão bem: dominar e jogar melhor do que o adversário tantas semanas consecutivas (excepção feita ao estranho incidente de Oliveira de Azeméis) só está ao alcance dos melhores. No nosso caso, para que sejamos perfeitos, faltam os golos e as vitórias. Que venha já uma em Chaves!
-
Foto retirada do blog Lobos do Mar
-

18 comentários:

Anónimo disse...

O parasita do Óscar Gomes só diz asneiras, desconfio que nem os jogos vai ver e só sabe dizer mal.

Disse nos seus comentários que o Varzim ganhou, em dois jogos, 3 de 5 pontos mas ganhou 4 de 6 pontos.

Disse também que foi o Bruno Moreira que falhou isolado no último minuto quando foi o Gonçalo Abreu que falhou com uma grande defesa do Paulo Santos.

Enfim, deve andar cego ou não vê os jogos e escreve só para criticar.

Como sempre se eu o criticar ele não publica o meu comentário por isso tenho que o criticar aqui.

Fique bem Sr. Óscar Gomes.

Anónimo disse...

Bom Jogo, casa a apresentar os mínimos para a grandeza deste clube!

boa cronica, não vou alargar os comentários só dizer que gostei do campinho! entrou bem.

o que se passa com o neto e com o André? craques que este ano estão abaixo e bem abaixo do ano passado!

E o Pedro Santos? o que lhe aconteceu? já ta operacional?

uma ultima nota, no domingo de manha foi um roubo o que fizeram aos juvenis! aquela raça de guimaraes levam a escola desde cedo! são arruaceiros, maleducados e nao tem principios! o arbitro de viana do castelo fez o resto!


Saudações Poveiras,



Zequinha

lobos do mar disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anónimo disse...

O que eu axo é que falta experiencia na equipa!reparo e só vejo malta jovem com valor mas ninguem com matreirice..assim estamos lixados até final de época!

lobos do mar disse...

Ex-capitão Alexandre põe Varzim em tribunal

saiba tudo em:


www.adeptosdovazim.blogspot.com

Anónimo disse...

O parasita do Óscar Gomes sempre me ouviu e alterou a sua crónica.

Ainda bem que o fez para repor, ao menos alguma verdade, pelo menos factual.

Fique bem e continue com a sua frustração.

Anónimo disse...

O Alexandre, mais uma vez demonstra o seu mau carácter e o seu Varzinismo.

Depois de mamar forte e feio estes anos todos com o seu ordenado ainda queria um tacho no fim.

Varzinista é aquele que ajuda o clube em troca de nada.

O Alexandre sempre teve o seu GRANDE ordenado e não foi nada mais que um trabalhador.

Por isso o clube não lhe deve nada.

Pelo contrario ele e o Emanuel sempre foram uns maus exemplos no balneário para colegas e para os treinadores que ajudaram a despedir.

Sempre a criar problemas quando não jogavam.

Esses é que são os Varzinistas de coração que vêm puxar o saco aos sócios fazendo-se de santos.

Ide enganar a sêga.

Anónimo disse...

alexandre é enganador, agora todos vao saber a verdade da falta de caracter desse senhor, eu sempore disse mas sempre me atacaram por isso, enfim, é um triste

PFGFR disse...

O ordenado do Alexandre era um ordenado normal de jogador de 1ª divisão, que era o que ele era. Mesmo assim, aceitou baixá-lo mais do que uma vez e aceitou acordos quanto a dívidas passadas, sem nunca ter avançado para a via dos tribunais.

Falhou a candidatura a presidente porque não há na comunidade varzinista gente suficiente a querer meter-se no Varzim (daí o actual presidente se ter visto na contingência de ter de continuar quando já não pretendia fazê-lo). Não sei porque é que o facto de o Alexandre querer continuar a trabalhar num projecto pelo Varzim tem de ser visto como querer mamar. Qual é o problema de ele acalentar o sonho de ser presidente ou director desportivo do clube que ama? Pelo menos para director desportivo, tem conhecimentos e experiência mais do que suficientes para isso.

Se essa história de ele minar o balneário fosse verdade, não haveria jogadores tão varzinistas como Pedrinho, Tiago Lopes e Pedro Santos a respeitarem-no tanto. O que o Alexandre não gostava era de ser encostado injustamente, mas todos os jogadores são assim.

Finalmente, metam na cabeça que o Alexandre, com as habilitações que tem, não precisa do Varzim para ter emprego. Quem o conhece sabe o que ele sofre e tem sofrido pelo Clube e não duvidem que não será por culpa dele que o Varzim não poderá inscrever-se no próximo ano.

De facto sei de algumas pessoas que o que sempre tiveram foi uma imensa dor de cotovelo por o Alexandre, por ser bom jogador e preferir jogar com uma perna partida a ficar de fora, lhes ter tapado o acesso à equipa sénior, e já vi pelo menos um deles a vir para aqui destilar ódio contra ele.

Lamento imenso que o Alexandre tenha tido de chegar a este extremo, mas mesmo assim acho que merece respeito e gratidão. E, conhecendo-o, não acredito que ele não esteja disposto a fazer um acordo em tribunal (que lhe dará garantias que um acordo verbal nunca daria).

É fácil bater nas pessoas quando, em termos de clube, elas se encontram na mó de baixo. Mas se caíram na mó de baixo foi porque tiveram a coragem de tentar fazer alguma coisa. E isto aplica-se tanto ao Alexandre como ao actual presidente. A isso chama-se coragem e dar o peito às balas. Que é muito mais nobre do que estar a fazer comentários venenosos a denegrir a dignidade das pessoas ao abrigo de um cobarde anonimato.

Anónimo disse...

Até poderia concordar com quase todo o texto, mas desenganemo-nos..
"Finalmente, metam na cabeça que o Alexandre, com as habilitações que tem, não precisa do Varzim para ter emprego." Que habilitações são essas que hoje em dia garantem emprego onde quer que seja, aliado ao facto de apenas e só no varzim, o alexandre ter nome? Não, o alexandre precisa do varzim e mais nada..

Anónimo disse...

O alex foi obrigado a colocar o varzim em tribunal a divida prescrevia em maio .

Anónimo disse...

O Alexandre tem 8 meses de salários em atraso mas só um mês é desta direcção, os outros 7 meses é das direcções do Sr. Oliveira.

Porquê que ele não pede ao seu advogado para lhe pagar, porque ele fazia parte dessa direcção e agora vai meter uma acção contra o clube que ele fazia parte e devia ter a obrigação de pagar ao Alexandre.

E mais, os meses que esta direcção pagou ao Alexandre que ele tinha em atraso, sim porque eram muitos mais meses que ele tinha que receber e esta direcção quando entrou já lhe pagou algum.

E quando não era convocado nem os jogos ia ver com azia de não ser convocado, nem desejava sorte aos colegas abandonando logo o balneário após o treino de sábado.

Ide enganar a sêga.

PFGFR disse...

Desculpe, anónimo, mas isso não é verdade. No tempo do Abílio vi-o nos jogos quando não foi convocado (em casa com o Paços e com o Santa Clara e no Marco, pelo menos) e mais tarde no tempo do Horácio também (não me lembro de nenhum jogo em concreto, mas lembro-me de ter estado com ele numa dessas ocasiões).

O Alexandre, com a licenciatura que tem, não teria de suar muito para ter emprego numa cadeia de ginásios de renome, por isso continuo a achar que ele não precisa do Varzim para "mamar" nada.

Anónimo disse...

"emprego numa cadeira de ginasios de renome"
enfim, tá tudo tolo

Anónimo disse...

O mal do Varzim é ter muitos doutores e engenheiros na direcção (se é que se possa chamar disso)vivem à custa do protogonismo.então nos dias de jogo uiiiiii .deviam era ter vergonha na cara e já deviam era ter entregue as chaves à muito tempo.essa é que é a verdade!

PFGFR disse...

Sobre o Alexandre, cada um pode ter a opinião que tiver. Eu e mais gente temos boa opinião, outros têm má, tudo bem. Mas, por razões que não cabe aqui explicar, agradeço que, a partir de agora, as pessoas se abstenham de falar no nome dele nestas caixas de comentários durante algum tempo. Caso contrário, terei de apagar os comentários.

Anónimo disse...

Concordo plenamente.são Uma vergonha estes tipos desta direcção ainda têem lata de vir para aqui mandar postas de pescada.cambada de caloteiros paguem mas é o que devem!!!!

Anónimo disse...

O quê disseram-me que o Alexandre colocou o Varzim em Tribunal tendo por trás um advogado que na altura foi vice presidente de uma direcção que lhe devia dinheiro ao Alexandre e agora também ele vem contra o clube? Isto acham que faz sentido? então que advogado varzinista é este? agora compreendo que mesmo nas direcções dos clubes quem não for por nós é contra nós. E são estas pessoas advogados. Ò varzinismo que andas tão por baixo. É como a equipa de futebol. Mas esta não lembra ao diago. somos uma terra de Lobos da Treta e mai nada....não que o Alexandre não tenha razão...mas também pendurar-se no Varzim para justificar problemas pessoais e familiares essa não. Mas a do advogado muito conhecido que não lhe pagou na devida altura e agora só porque caiu abaixo do cavalo e move um processo contra o clube é de bradar aos ceus.